Tire suas Dúvidas

Voltar
É normal o óleo ficar sólido, com aspecto pastoso e opaco? Isso afeta sua qualidade?

Devido a grande quantidade de Ácido Láurico presente é característica dos óleos de coco extra virgens de boa qualidade tornarem-se naturalmente pastosos ou sólidos, adquirindo uma coloração branco-opaco, quando em temperaturas abaixo de 25ºC. Da mesma forma, quando a temperatura ambiente for superior a 25ºC é natural que ele retorne ao estado líquido e à sua suave cor champagne, que identifica e diferencia o Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem FINOCOCO.

Essa mudança de estado físico NÃO afeta absolutamente a qualidade ou os benefícios contidos no óleo de coco extra virgem.

Mulheres grávidas podem consumir o Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo?

O Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo é um alimento considerado seguro para praticamente todas as pessoas, inclusive mulheres grávidas.

A exceção é para as pessoas que têm especial sensibilidade ao coco. Contudo, as alergias ao coco em geral ocorrem à proteína presente na carne do coco, e não ao óleo.

De qualquer forma, se você está grávida e nunca consumiu Óleo de Coco Extra Virgem, consulte  antes seu médico ou nutricionista. O Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo é um alimento extremamente nutritivo e seguro, e seu consumo só deve fazer bem para mulheres grávidas.

O Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo pode ser empregado para frituras?

Sim. O Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo é o óleo vegetal mais estável que existe, não gerando gorduras trans mesmo quando submetido a altas temperaturas, (>230ºC) diferentemente de outros óleos vegetais como o de soja, milho ou girassol, que tem sua estrutura molecular modificada para trans quando utilizados na fritura de alimentos por muito tempo.

Por que é tão importante que o PROCESSO de obtenção do óleo de coco seja à frio?

Alguns óleos de coco existentes no mercado tem apenas a fase de extração realizada à frio ("extraído à frio"). Contudo, antes da fase de extração a matéria prima é submetida há um autoclave, que é uma espécie de panela de pressão industrial que eleva a temperatura do coco a 350ºC para facilitar a extração da polpa. Este procedimento pode destruir enzimas importantes e tornar os nutrientes benéficos do coco indisponíveis para a absorção pelo organismo humano.

O Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo é obtido por intermédio de processo tradicional, completamente à frio, não empregando em nenhuma fase de sua produção temperaturas superiores à 20ºC a da temperatura ambiente.

Por outro lado, devido aos ácidos graxos de cadeia curta e média presentes no Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo serem muito resistentes a temperaturas elevadas, faz com que ele seja um dos melhores óleos vegetais para uso culinário, sobretudo na fritura de alimentos.

O Óleo Orgânico de Coco precisa ser refrigerado? Qual o prazo de validade?

Não, o Óleo Orgânico de Coco Extra virgem Finococo não precisa ser refrigerado. Mas se desejar você pode guardá-lo no refrigerador sem qualquer problema. Algumas pessoas preferem consumi-lo sólido, como patê, razão pela qual o mantém na geladeira.

A validade do Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo é de 18 meses ainda fechado. Após aberto a recomendação é consumi-lo em até 45 dias. Tenha apenas o cuidado de guardá-lo em um local abrigado da luz solar direta e longe de fontes de calor intensa.

Em dias quentes o seu óleo estará normalmente líquido e com coloração translúcida. Em temperaturas abaixo de 25 graus Celsius ele se solidifica e adquire uma coloração esbranquiçada. Ele está perfeito para consumo das duas formas. Para voltar ao seu estado normal basta colocá-lo em banho maria.

Consumir o coco seco traz os mesmos benefícios de se consumir o Óleo de Coco?

O óleo de coco contido em um coco seco é muito reduzido. Você teria que consumir uma grande quantidade de coco para obter uma quantidade razoável de óleo em sua dieta.

O coco seco contém muito mais do que somente óleo. Ele também contém fibras, proteína e açúcar (açúcar natural, bem lembrado!). Algumas pessoas podem ter alergia ao coco inteiro e não terem problemas em consumir o óleo puro, pois o óleo puro não contém grandes quantidades de proteínas, a causa mais comum de alergias.

Se você está tentando restringir o açúcar da sua dieta, o óleo também acaba sendo uma melhor opção. Além disso, o coco seco tem vida de prateleira curta, sendo recomendado consumi-lo imediatamente após a colheita. Já o Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo tem validade de 18 meses, e depois de aberto pode ser consumido diariamente por um período de até 45 dias.

O Óleo Orgânico de Coco Extra virgem Finococo causa algum tipo de efeito colateral?

Óleo Orgânico de Coco Extra virgem Finococo é um alimento e não um remédio portanto não causa “efeitos colaterais”. Cada indivíduo é único, cada organismo tem suas sensibilidades particulares e em alguns casos podem ocorrer algum incômodo – principalmente se seu organismo está habituado a dietas pobres em gorduras.

A reação mais comum neste caso é soltar demais o intestino. Embora os pesquisadores recomendem 3,5 colheres de sopa do Óleo Orgânico de Coco Extra virgem Finococo, se você tem a dieta pobre em gorduras comece consumindo bem menos e divida o consumo a quantidades menores no decorrer do dia. Para pessoas alérgicas ao coco um lembrete: as alergias normalmente são à proteína contida na carne do coco e o óleo de coco contém uma quantidade insignificante dessa proteína.

Qual a quantidade de Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo recomendada?

Os maiores benefícios do Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo provém dos ácidos graxos de cadeia curta e média – o ácido láurico, contido também no leite materno. Segundo pesquisadores, para obter a quantidade de ácido láurico um adulto precisa consumir diariamente entre 2 a 3 colheres de sobremesa de Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo. Se você ainda não consome óleo de coco, comece com menos, de 1 a 2 colheres durante as primeiras semanas até seu organismo se habituar e você se certificar de que não tem nenhum tipo de alergia ao produto.

Como utilizar o Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem Finococo?

Existem muitas maneiras de incorporar o Óleo Orgânico de Coco Extra Virgem FINOCOCO à sua dieta. Uma vez que ele é um óleo bastante estável, é excelente para uso culinário – você pode substituir gorduras e óleos não saudáveis (como óleos refinados e margarina) pelo Óleo Orgânico Finococo, no preparo de qualquer tipo de alimento: frituras, assados, preparação de pratos especiais, etc.

O óleo de coco também pode ser adicionado a saladas, “smoothies” e vitaminas, ou simplesmente ingerido diretamente, na colher!

Mas lembre-se sempre de utilizar uma colher ou faca bem limpos e secos, para evitar que o seu óleo oxide e se torne rançoso antes do prazo de validade. Após servir-se, feche imediatamente o pote e mantenha-o ao abrigo da luz e de fontes de calor. Se desejar, pode guardá-lo na geladeira.

O uso regular do Óleo Orgânico de Coco Extra virgem Finococo auxilia no balanceamento das taxas de colesterol do sangue, reforça a defesa imunológica contra infecções virais e bacterianas e proporciona energia de forma rápida ao organismo, contribuindo pra um metabolismo saudável e equilibrado, além de contribuir para a perda de peso.

acompanhe

© 2010 - Finococo - Todos os Direitos Reservados